Mostrando postagens com marcador 9º ano. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador 9º ano. Mostrar todas as postagens

25 maio 2020

SEQUÊNCIA DIDÁTICA Rethinking Consumption

???

SEQUÊNCIA DIDÁTICA

Rethinking Consumption

Nesta sequência didática, será abordado o consumo consciente e coletivo como uma alternativa aos hábitos de consumo contemporâneos. Também serão apresentados os benefícios que tais hábitos podem trazer para vida das pessoas.

Relação entre BNCC, objetivos e conteúdos

Objetos de conhecimento

Funções e usos da língua inglesa: persuasão

Compreensão de textos orais, multimodais, de cunho argumentativo

Habilidades

(EF09LI01) Fazer uso da língua inglesa para expor pontos de vista, argumentos e contra-argumentos, considerando o contexto e os recursos linguísticos voltados para a eficácia da comunicação.

(EF09LI02) Compilar as ideias-chave de textos por meio de tomada de notas.

Objetivos de aprendizagem

Repensar os hábitos de consumo.

Expor pontos de vista e argumentos com autonomia.

Compreender um anúncio sobre o movimento Buy Nothing Day.

Ler um texto sobre ideias alternativas para evitar o consumo e sustentar o movimento Buy Nothing Day.

Refletir sobre os argumentos expostos no anúncio e sobre a leitura, expondo seu ponto de vista.

Conteúdos

Imagem Buy Nothing Day

Vídeo Adbuster – Buy Nothing Day

Reportagem do site The Washington Post

Desenvolvimento

Quantidade de aulas: 2 aulas de 45-50 minutos cada.

Aula 1

Materiais e recursos

computador com projetor

vídeo Adbuster – Buy Nothing Day

imagem Buy Nothing Day

papel, se possível reciclado

Procedimentos

Atividade 1: Turma toda, em suas carteiras. 10 min.

Para introduzir o tema Rethinking Consumption, iniciar a aula perguntando aos estudantes sobre seus hábitos de consumo. Perguntar se eles já ouviram falar no termo Black Friday e o que isso significa. Explicar que Black Friday é como ficou popularmente conhecido o dia após o feriado de Thanksgiving, em que as compras para as festas de fim de ano começam e há um grande incentivo por meio de descontos por parte dos comerciantes para estimular a compra. Mostrar a imagem a seguir para toda a turma e perguntar se eles já ouviram falar em Buy Nothing Day e qual o significado disso. Escrever no quadro a atividade que segue, fazer a leitura das alternativas e pedir aos estudantes que escolham a alternativa mais apropriada. A resposta será conferida na próxima atividade, com a reprodução de um anúncio.

???

gguy/Shutterstock.com

1. Buy Nothing Day is a movement that encourages people to 

a) buy less for only one day.

b) buy less or nothing forever.

c) buy more on Black Friday only.

d) buy less or nothing for at least one day. X

Atividade 2: Turma toda, em suas carteiras. 20 min.

Dizer aos estudantes que eles assistirão a um anúncio sobre a campanha Buy Nothing Day. Escrever no quadro as seguintes expressões: North American, Mexican, Chinese person, person from India, world, die, November. Comentar que essas expressões vão aparecer no anúncio e perguntar aos estudantes como imaginam que elas estarão relacionadas. Acolher as contribuições que derem. Em seguida, reproduzir o vídeo pela primeira vez, a fim de que tomem nota das principais informações e corroborem/corrijam suas previsões. Ao final, pedir aos estudantes que comentem entre todos as anotações realizadas e se suas previsões estavam corretas ou não.

Em seguida, dizer a eles que assistirão ao vídeo mais uma vez, mas que agora devem prestar atenção aos recursos de persuasão usados no anúncio. Projetar a atividade a seguir no quadro e fazer a leitura de cada item para que os estudantes entendam as informações que devem encontrar. Buscar solucionar qualquer dúvida em relação ao vocabulário da atividade. Reproduzir o vídeo mais uma ou duas vezes, para que possam fazer a Atividade 2.

2. Which strategies can we find in the ad to defend the need of the campaign Buy Nothing Day?

a) Comparisons. X

b) Quotations.

c) Shocking images. X

d) Testimonies.

e) Sentences in imperative. X

f) Happy soundtrack.

Pedir aos estudantes que, em duplas, verifiquem suas respostas e comentem quais elementos do vídeo podem comprová-las. Em seguida, abrir a discussão para toda a turma, fazendo a correção e pedindo que mencionem as justificativas para as respostas. Eles poderão mencionar que os itens AC e E estão corretos, pois, por exemplo: no início do vídeo, o narrador menciona que um estadunidense consome muito mais do que um mexicano, chinês ou indiano; aparecem imagens impressionantes de uma imensa quantidade de produtos em um lixão; e pode-se escutar a seguinte sentença: Give it a rest!.

Atividade 3: Turma toda, em suas carteiras. 20 min.

Convidar a turma para uma discussão. Para isso, pedir aos estudantes que organizem suas carteiras em um grande círculo pela sala para que todos consigam se ver e se ouvir. Escrever no quadro as atividades a seguir para conduzir e orientar a discussão de ideias entre os estudantes.

1. Do you agree with the campaign? Why or why not? Personal answers.

2. Can you add another argument to defend the need of the campaign?

Personal answers.

3. Is there any argument to refuse the need of the campaign By Nothing Day? Which one? Personal answers.

4. Do you think that we need this campaign in Brazil? Why or why not? Personal answers.

Reservar 10 minutos para que todos os estudantes reflitam sobre as perguntas e possam se posicionar. O importante é que eles expressem suas opiniões em língua inglesa, defendendo o seu ponto de vista. Eles podem argumentar e até tentar convencer os colegas, porém sempre respeitando-os. Dar início ao debate, cuidando para que todos os estudantes consigam participar e que todas as participações sejam respeitadas em relação ao turno de fala de cada um.

Avaliação

Pedir aos estudantes que copiem o quadro a seguir em uma folha avulsa, preencham-na e a entreguem a você.

:-)

:-|

:-(

1. Consegui compreender o anúncio sobre a campanha Buy Nothing Day.

2. Consegui identificar os recursos de persuasão presentes em um anúncio.

3. Pensei criticamente sobre a necessidade da campanha Buy Nothing Day e justifiquei/embasei meu ponto de vista, usando argumentos para tanto.

4. Usei inglês durante todo o debate.

Recolher esse instrumento de avaliação e juntá-lo às outras avaliações feitas ao longo das aulas. Assim, você terá ferramentas para conversar com cada estudante e traçar planos para melhorar aquilo que precisa ser ajustado ou simplesmente elogiar e valorizar o que está indo bem.

Aula 2

Materiais e recursos

computador com projetor (opcional)

texto The Buy Nothing Movement: Give up your stuff and pick up some friends (projetado ou impresso)

papel, se possível reciclado

Procedimentos

Atividade 1: Turma toda, em suas carteiras. 5 min.

Para iniciar esta aula, perguntar aos estudantes o que eles costumam fazer com aquilo que não querem mais, mas continua em bom estado. Perguntar, também, se eles conhecem alguma iniciativa ou algum programa em que pessoas possam anunciar aquilo que não querem mais ou até mesmo pegar para si aquilo que outras pessoas não querem. Deixar que os estudantes participem livremente, contando o que sabem ou já ouviram falar sobre o assunto.

Atividade 2: Turma toda, em suas carteiras. 30 min.

Dizer aos estudantes que eles farão a leitura de um texto sobre uma iniciativa para diminuição do consumo. Escrever o título do texto no quadro (The Buy Nothing Movement: Give up your stuff and pick up), pedir que o leiam e que comentem que tipo de informação eles acreditam que encontrarão no texto. Deixar que opinem livremente e anotar no quadro as principais ideias levantadas. Em seguida, distribuir cópias ou projetar o seguinte trecho da reportagem, de forma que todos os estudantes consigam ler. Pedir aos estudantes que façam uma primeira leitura rápida, anotando em seus cadernos as ideias e palavras que eles consideram chave para a compreensão do conteúdo geral do texto.

[] What happens to those discards?

Most will end up in the trash, of course, while others will languish forgotten in the corner of a dark garage or a musty attic. But on the last Saturday of every month, some are laid out on the front lawn [].

This is a Free Store, a yard sale without price tags, where everything old is considered anew.

The host of this store in Brookland is an organization called the Peace House, a nonprofit focused on enacting social change locally. In this case, that means encouraging neighbors to give their stuff away and take the stuff that others leave behind.

[]

When discards are given a second chance, a lot can happen. [...]

One persons trash is another persons treasure, says Feriha Kaya, a Peace House co-manager, chuckling at her own cliche. But rarely is treasure as readily available  and as price-less, literally  as the items up for grabs at the Free Store. []

GLOSSARY

attic: sótão

chuckle: rir

enact: decretar

languish: apodrecer, mofar

lawn: gramado

lay out: organizado

musty: mofado

up for grabs: em disputa

yard: jardim

WANG, Yanan. The Buy Nothing Movement: Give up your stuff and pick up some friends. The Washington Post, 13 ago. 2015. Disponível em: <www.washingtonpost.com/lifestyle/style/the-buy-nothing-movement-give-up-your-stuff-and-pick-up-some-friends/2015/08/13/4a20be16-3af4-11e5-b3ac-8a79bc44e5e2_story.html?noredirect=on&utm_term=.ea4315f72265>. Acesso em: 26 out. 2018.

Deixar que os estudantes trabalhem nesta parte da atividade por entre 5 e 10 minutos. Em seguida, para verificar a compreensão após a primeira leitura, solicitar que compartilhem suas anotações (as ideias-chave) com o restante da turma e suas impressões gerais sobre o texto. Anotar no quadro todas as palavras, as ideias e os conceitos relevantes apresentados pelos estudantes. Em seguida, escrever ou projetar as seguintes perguntas no quadro. Pedir aos estudantes que as copiem, que voltem a ler o texto (agora em mais detalhes) e que respondam às perguntas em seus cadernos.

1. According to the text, what happens to the discards? Most will end up in the trash, while others will languish forgotten in the corner of a dark garage or a musty attic.

2. How does the Free Store work? It works as a yard sale without price tags, where everything old is considered anew.

3. What does the Peace House do? It encourages neighbors to give their stuff away and take the stuff that others leave behind.

4. Do you agree with the statement One persons trash is another persons treasure? Why or why not? Personal answers. Students are expected to realize that many things can be reused or that the goods we do not want can be useful to someone else.

5. In your opinion, which benefits can the campaign promote? Personal answers.

Assim que a turma toda finalizar a tarefa, pedir aos estudantes que comparem suas respostas com as de seus colegas mais próximos. Corrigir a atividade oralmente, incentivando-os a compartilhar suas respostas com o restante da turma.

Atividade 3: Turma toda, em suas carteiras. 10 min.

Agora que já fizeram a leitura e encontraram informações específicas no texto, pedir aos estudantes que pensem sobre suas práticas diárias em relação àquilo que não querem mais e que ainda está em bom estado. Convidá-los para uma conversa em grupo. Perguntar o que eles acharam da ideia proposta no texto ou se têm outras ideias que colaborariam com uma diminuição de consumo. Perguntar, também, se eles repensaram seus hábitos de consumo ou até sobre a forma como cuidam de seus pertences a fim de fazer com que durem mais e não precisem ser substituídos tão cedo.

Avaliação final

Escrever a atividade a seguir no quadro para que a turma a copie. Pedir aos estudantes que escrevam seus nomes em uma folha avulsa e que, individualmente, elaborem um pequeno parágrafo de acordo com a proposta a seguir e o entreguem a você.

How can you relate the ad from the first class to the text? Expose your own ideas. Personal answers. It is expected that the students can relate the video and the text and recognize the similarities between them. They can use as an example the fact that both, text and video, encourage a decrease in consumption.

Durante a correção, avaliar a capacidade dos estudantes de relacionar os dois textos (oral e escrito), além de expressar com coerência seu ponto de vista. Juntar a ficha aos portfólios. Ao identificar problemas, pensar em atividades de reforço com foco na área que ainda precisa ser desenvolvida.

Referências bibliográficas

ADBUSTERS: Buy Nothing Day. Produção: Adbusters Media Foundation. 5 jan. 2013. Vídeo (32s). Disponível em: <https://vimeo.com/56821946>. Acesso em: 24 nov. 2018.

WANG, Yanan. The Buy Nothing Movement: Give up your stuff and pick up some friends. The Washington Post, 13 ago. 2015. Disponível em: <www.washingtonpost.com/lifestyle/style/the-buy-nothing-movement-give-up-your-stuff-and-pick-up-some-friends/2015/08/13/4a20be16-3af4-11e5-b3ac-8a79bc44e5e2_story.html?noredirect=on&utm_term=.ea4315f72265>. Acesso em: 15 nov. 2018.

Fonte: PNLD

SEQUÊNCIA DIDÁTICA: Fashion and You

???

SEQUÊNCIA DIDÁTICA

Fashion and You

Nesta sequência didática será proposta uma discussão, por meio de textos, sobre a indústria da moda. Os estudantes serão convidados a refletir sobre o termo e as práticas da fast fashion, além de pensar de que maneira podem colaborar para uma moda mais ética e sustentável.

Relação entre BNCC, objetivos e conteúdos

Objetos de conhecimento

Funções e usos da língua inglesa: persuasão

Recursos de argumentação

Habilidades

(EF09LI01) Fazer uso da língua inglesa para expor pontos de vista, argumentos e contra-argumentos, considerando o contexto e os recursos linguísticos voltados para a eficácia da comunicação.

(EF09LI07) Identificar argumentos principais e as evidências/exemplos que os sustentam.

Objetivos de aprendizagem

Refletir sobre os impactos da moda.

Reconhecer e refletir sobre fast fashion.

Emitir opiniões e pontos de vista.

Avaliar seu próprio desempenho e entendimento.

Conteúdos

Trechos do texto What Is Fast Fashion?

Texto Can Fast Fashion Ever Be Ethical?

Texto Fashion Revolution

Desenvolvimento

Quantidade de aulas: 2 aulas de 45-50 minutos cada.

Aula 1

Materiais e recursos

computador com projetor de imagens (opcional)

trechos do texto What Is Fast Fashion?

dicionários

folhas de papel, se possível reciclado

Procedimentos

Atividade 1: Em grupos de 3 ou 4 estudantes; em suas carteiras. 15 min.

Esta sequência didática é sobre moda e suas consequências ambientais. Para apresentar o tema, pedir à turma que se organize em grupos de três ou quatro estudantes. Escrever as perguntas abaixo no quadro e pedir que os estudantes reflitam sobre elas em seus grupos. Reservar até 7 minutos para esse momento inicial de discussão e, depois, pedir aos grupos que compartilhem o que debateram entre si com toda a turma.

1. Do you know how your clothes were made? Personal answers.

2. Do you have any idea what happens to the clothes when people do not want them anymore? Personal answers.

3. Do you think clothes have any environmental impact? Personal answers.

Permitir que este momento seja uma oportunidade de troca entre os grupos e da turma como um todo. Não há respostas corretas ou incorretas, mas é esperado que os estudantes reflitam sobre a velocidade em que as roupas aparecem e desaparecem nas vitrines das lojas, e também sobre o que acontece com as roupas quando elas são descartadas.

Atividade 2: Mesmos grupos da atividade anterior; em suas carteiras. 15 min.

Escrever no quadro a expressão Fast Fashion e perguntar aos estudantes se eles já a ouviram e o que sabem sobre o tema. Distribuir cópias do trecho de texto a seguir ou projetá-lo de forma que todos os estudantes consigam ler. Reservar 5 minutos para a leitura. Enquanto a turma faz a leitura, escrever no quadro as questões seguintes para que discutam e reflitam entre eles.

What is Fast Fashion?

Fast fashion can be defined as cheap, trendy clothing, that samples ideas from the catwalk or celebrity culture and turns them into garments in high street stores at breakneck speed.

RAUTURIER, Solene. What Is Fast Fashion? Good on You, 7 ago. 2018. Disponível em: <https://goodonyou.eco/what-is-fast-fashion>. Acesso em: 18 nov. 2018.

1. After reading the fragment about fast fashion, do you think it is positive or negative? Personal answers.

2. How do you think it is possible to produce fashionable clothes at a cheap price? Reflect on how this should work. Personal answers.

Deixar que os estudantes reflitam sobre as questões em seus grupos e, depois, pedir que compartilhem o que discutiram com toda a turma. Caso eles tenham dúvidas de vocabulário, sugerir que consultem o dicionário bilíngue para dirimir a questão.

Atividade 3: Turma toda; em suas carteiras. 20 min.

Distribuir cópias do texto a seguir ou projetá-lo de forma que todos consigam ler. Dizer aos estudantes que agora eles devem fazer a leitura individual do texto sobre os impactos da Fast Fashion em no planeta. Enquanto fazem a leitura, escrever no quadro as questões seguintes e pedir a eles que as copiem e respondam em seus cadernos. Ao final da tarefa, corrigir oralmente para que a turma toda possa participar tirando dúvidas e expondo seus pontos de vista.

Whats the Impact of Fast Fashion?

Fast Fashions impact on the planet is huge. The pressure to reduce costs and speed up production time means that environmental corners are more likely to be cut. Fast Fashions negative impact includes its use of cheap, toxic textile dyes  with the fashion industry the second largest polluter of clean water globally after agriculture.  Thats why Greenpeace has been pressuring brands to remove dangerous chemicals from their supply chains through its Detox The Catwalk campaign.

Cheap textiles also increase Fast Fashions impact. Polyester is one of the most popular fabrics. Its derived from fossil fuels, contributing to global warming, and can shed microfibres that add to the increasing levels of plastic in our oceans when its put through a wash. But even natural fabrics can be a problem at the scale fast fashion demands. Cotton requires enormous quantities of water and pesticides in developing countries. This results in risks of drought, creates huge amounts on stress on water basins and other environmental concerns biodiversity and soil quality, competition for resources between companies and local communities.

The constant speed and demand means there is also increasing stress on other environmental concerns such as land clearing, biodiversity and soil quality that may be at risk of drought.  While the processing of leather also impacts on the environment, with 300kgs of chemicals being added for every 900kg of animal hides tanned.

The speed at which garments are produced also means that more and more clothes are disposed of by consumers, creating a huge amount of textile waste.  In the UK alone, 235 million pieces of clothing were thought to have been sent to landfill in spring 2017.

RAUTURIER, Solene. What Is Fast Fashion? Good on You, 7 ago. 2018. Disponível em: <https://goodonyou.eco/what-is-fast-fashion>. Acesso em: 18 nov. 2018.

1. According to the text, does fast fashion has a positive or a negative impact on the planet? Justify your answer with excerpts from the text. It has a negative impact. Fast Fashions negative impact includes its use of cheap, toxic textile dyes  with the fashion industry the second largest polluter of clean water globally after agriculture.

2. What is one of the most popular fabrics? What are the impacts of it? Polyester. It contributes to global warming and can shed microfibres that add to the increasing levels of plastic in our oceans when its put through a wash.

3. What does the text say about the speed of production? What examples are given to support the points presented? According to the text, the speed in clothing production causes environmental impacts of the most varied: deforestation, biodiversity, and soil quality suffer from this, in addition to the risk of drought. The text also mentions that 300 kg of chemicals are needed for 900 kg of animal skin in the production of leather. As a consequence of the agility in production, more and more clothes are being discarded. According to the text, only in the UK 235 million pieces were discarded in the spring of 2017.

Avaliação. 10 min.

Para avaliar a compreensão dos trechos do texto lidos pelos estudantes, pedir a eles que, individualmente e em uma folha avulsa, escrevam um breve parágrafo (de 30-50 palavras) com o resumo do que leram sobre fast fashion e os impactos causados por ela. Explicar que eles devem apresentar os pontos principais dos trechos e apresentar alguns exemplos que justifiquem cada ponto. Solicitar-lhes que, quando terminarem, escrevam o nome na folha e a entreguem a você. A fim de avaliar essa produção, você pode usar uma ficha como a apresentada a seguir.

Sim / muitos

Parcialmente / Alguns

Não / Poucos

1. Os pontos mencionados pelos estudantes são coerentes com o texto?

2. Há exemplos para os pontos apresentados?

3. O parágrafo apresenta desvios de convenção da escrita?

Aula 2

Materiais e recursos

computador com projetor de imagens (opcional)

texto Can Fast Fashion Ever Be Ethical? (impresso ou projetado)

dicionários bilíngues

papel, se possível reciclado

Procedimentos

Atividade 1: Em grupos de 3 ou 4 estudantes; em suas carteiras. 10 min.

Iniciar a aula retomando com os estudantes o que foi discutido e lido na aula anterior. Aproveitar este momento para perguntar se eles ficaram surpresos com o que leram ou se já imaginavam os impactos que a moda causa. Escrever as perguntas a seguir no quadro e, nos mesmos grupos formados na primeira aula, pedir aos estudantes que discutam e reflitam sobre elas.

1. After reading about the impacts of fast fashion in our planet, do you think it is possible to change that scenario? Personal answers.

2. How do you think fashion could be more ethical? Personal answers.

Atividade 2: Turma toda; em suas carteiras. 20 min.

Para dar continuidade ao debate da primeira atividade, propor aos estudantes a leitura de uma pesquisa bastante parecida com as perguntas da atividade anterior, que foi feita na faculdade de moda de Londres: Can Fast Fashion Ever Be Ethical? Se julgar necessário, explicar que ética é um conjunto de princípios e valores que norteiam a conduta humana em sociedade. Reproduzir no quadro as perguntas seguintes e pedir aos estudantes que, finalizada a leitura, as copiem em seus cadernos e as respondam individualmente. Caso eles tenham dúvida de vocabulário, sugerir o uso de dicionário bilíngue para dirimir a questão.

[] What do we mean by ethical? It was these questions, along with many others, that the panel and audience [] discussed, debated and responded to.

Theres no such thing as fast fashion, just increasingly accelerated consumption. At least, that was the argument Dilys put forward, emphasizing the millions of years required for crude oil- that eventually becomes polyester- to form, and the six months that cotton takes to grow from seed to crop. In some ways, fashion is still very slow. It is just part of the process, the making, buying and discarding of garments that is being increasingly accelerated at a worryingly fast pace. []

[] ethical was defined [] as ensuring a balance between personal expression through fashion and honouring the people, skills, time and natural elements involved in the process. Its about creating the opportunity to express individuality through adornment [] but without compromising on the rights of other humans and the balance of nature.

ROSILY. Can Fast Fashion Ever Be Ethical? London College of Fashion, 21 out. 2016. Centre for Sustainable Fashion. Disponível em: <http://sustainable-fashion.com/blog/can-fast-fashion-ever-be-ethical>. Acesso em: 18 nov. 2018.

3. According to the text, there is no fast fashion. In their opinion, whats the problem? Fast comsumption.

4. How can you relate the text read in the previous class and this one? Personal answers. É esperado que os estudantes consigam relacionar os textos com base em sua temática, ou seja, ambos os textos expõem os aspectos negativos da Fast Fashion.

Atividade 3: Turma toda; em suas carteiras. 20 min.

Perguntar aos estudantes se eles já ouviram falar sobre alguma organização ou campanha de moda sustentável. Para dar continuidade ao debate do início da aula, comentar com a turma sobre a Fashion Revolution, uma organização criada para questionar as práticas da indústria da moda. Distribuir cópias do texto ou projetá-lo de forma que todos os estudantes consigam ler. Reproduzir as questões seguintes no quadro e pedir que as copiem em seus cadernos para respondê-las individualmente.

WHO WE ARE

We are Fashion Revolution. We are people from all around the world who make the fashion industry work. We are the people who wear clothes. And we are the people who make them.

We are designers, academics, writers, business leaders, policymakers, brands, retailers, marketers, producers, makers, workers and fashion lovers. We are the industry and we are the public. We are world citizens. We are you.

OUR VISION

We believe in a fashion industry that values people, the environment, creativity and profit in equal measure.

OUR MISSION

We want to unite people and organisations to work together towards radically changing the way our clothes are sourced, produced and consumed, so that our clothing is made in a safe, clean and fair way.

We believe that collaborating across the whole value chain  from farmer to consumer  is the only way to transform the industry.

Our mission is to bring everyone together to make that happen.

FASHION REVOLUTION. About. [2017?]. Disponível em: <www.fashionrevolution.org/about>. Acesso em: 18 nov. 2018.

5. In the description "Who we are", the organization includes all types of people including you. Do you believe that you can be part of this movement? Personal answers.

6. Read the Our Vision topic and relate it to the text in the previous activity. The topic Our Vision is related to the end of the text on ethics in fashion. The vision of the Fashion Revolution is what was discussed as ethics at London Fashion College. Its about creating the opportunity to express individuality through adornment [] but without compromising on the rights of other humans and the balance of nature.

7. Think about how you take care of your clothes. How can you contribute to ethical and sustainable fashion? Personal answers. É esperado que os estudantes percebam que soluções simples como consumir roupas em menor quantidade, e ter um cuidado maior para que as roupas durem mais, já são bastante eficientes para colaborar com uma moda mais sustentável. Além disso, doar ou reaproveitar roupas usadas é uma maneira de diminuir o impacto ambiental.

Corrigir as atividades oralmente para que os estudantes participem e exponham suas opiniões e pontos de vista.

Avaliação Final

Para esta sequência didática, sugerir que os estudantes se autoavaliem com o auxílio da ficha abaixo. Pedir que façam a autoavalição em uma folha avulsa e que escrevam seus nomes antes de entregá-la a você.

:-)

:-|

:-(

1. Eu li e compreendi textos em inglês sobre moda.

2. Eu identifiquei os principais argumentos de cada texto.

3. Eu consegui relacionar os textos e suas ideias.

4. Eu refleti sobre a indústria da moda e seus impactos.

5. Eu refleti sobre maneiras de colaborar com a diminuição dos impactos causados pela indústria da moda.

6. Eu usei inglês para emitir minhas opiniões e pontos de vista sobre o assunto.

Recolher esse instrumento de avaliação e juntá-lo às outras avaliações feitas durante as aulas. Assim, você terá ferramentas para conversar com cada estudante e traçar planos para melhorar aquilo que precisa ser ajustado ou simplesmente elogiar e valorizar o que está indo bem.

Referências bibliográficas

FASHION REVOLUTION. About. [2017?]. Disponível em: <www.fashionrevolution.org/about>. Acesso em: 18 nov. 2018.

RAUTURIER, Solene. What Is Fast Fashion? Good on You, 7 ago. 2018. Disponível em: <https://goodonyou.eco/what-is-fast-fashion/>. Acesso em: 18 nov. 2018.

ROSILY. Can Fast Fashion Ever Be Ethical? London College of Fashion, 21 out. 2016. Centre for Sustainable Fashion. Disponível em: <http://sustainable-fashion.com/blog/can-fast-fashion-ever-be-ethical/>. Acesso em: 18 nov. 2018.

Fonte: PNLD